03 maio 2004

O filme que eu ainda não vi.

E, quando eu fui me dedicar neste fim de semana à saudável prática criminosa de prostrar-me a assistir o filmezito no DivX, a película para a qual eu preparei todo um misânscene dramático de contemplação, simplesmente mostrou sua perversidade ao se projetar com tremeliques endoidecidos na tela do meu computador, em qualquer dos programas em que eu tentei abri-lo. Foi por isto, que eu ainda não vi, e nem neste fim de semana, Dogville.