27 julho 2004

O COMPLEXO DE PHILIP ROTH
Em 1960, o autor de O Complexo de Portnoy levantou uma questão que, na época, não parecia tão pertinente, mas hoje é fundamental. Quais as chances de a ficção poder continuar competindo com as histórias da vida real? Philip Roth responde: "Está aqui: o escritor estadunidense da metade do século 20 dá um duro danado para tentar entender, depois descrever e, em seguida, tornar crível boa parte da realidade americana".

Para ler mais.